Repositório Institucional UNICID Campus Tatuapé Dissertações Mestrado Acadêmico em Educação
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.cruzeirodosul.edu.br/jspui/handle/123456789/4107
Tipo: Dissertação
Título: Psicologização da queixa escolar: o que pensam os professores sobre “aluno problema”?
Título(s) alternativo(s): The psychologization of school complaints: What do teachers think about “problem students” ?.
Autor(es): Cedro, Aline
Primeiro Orientador: Novaes, Adelina de Oliveira
Resumo: Com o propósito de compreender o significado atribuído por docentes ao termo “aluno problema”, a pesquisa consultou 76 professores da rede municipal de ensino fundamental 1 da cidade de Arujá no estado de São Paulo, sendo que, 71 responderam a um questionário e 5 responderam à entrevista orientada por roteiro semiestruturado, isto, com o intuito de acessar crenças docentes as quais motivam práticas de encaminhamento do “aluno problema” a profissionais da saúde e, sobretudo, a profissionais psi. A introdução oferecerá um apanhado histórico sobre a participação de cientistas europeus no processo de validação de testes de inteligência e demais influências destes no formato inicial da escola brasileira, além de, apresentar as primeiras formas de assistencialismo direcionadas as famílias de alunos difíceis. Subsequente, e luz de Freitas (2012); Lima (2018); Patto (2015); Mantovaninni (2001); Carvalho (2000); e Cury (2002), serão apresentadas convicções culturais e científicas rumo ao entendimento do nível de inteligência da criança perante o processo de aprendizagem, tendenciando, à estigmatização. A inspiração na Teoria da Representações Sociais (TRS) abordará o processo de constituição de conhecimentos por meio do senso comum e a formação da estrutura do conhecimento congregando assim, a abordagem processual e estrutural em TRS que, de acordo com Moliner e Guimelli (2015), a classificação é teórica, contudo, em diferentes tipos de pesquisas, as abordagens se combinam. (JOCHEVCLOVITCH, 2008; JODELET, 2001, 2014, 2017; ABRIC, 2001, MOSCOVICI, 2017; SÁ,1996, 1998; SPINK, 1993). As informações produzidas por meio de pesquisa de campo, foram sistematizadas e posteriormente processados mediante estatística computacional de análise de similitude, análise prototípica e nuvem de palavras, recorrendo-se ao software Iramuteq. Os resultados obtidos revelaram que, para os professores investigados, o termo família está associado a desarranjos comportamentais e, consequentemente, a não apreensão dos conteúdos escolares por alunos tidos como problemáticos. Deste modo, tornou-se evidente que, a crença focalizada a cerca de 90 anos permanece ativa no repertório dos participantes.
Abstract: The research consulted 76 teachers of the municipal network of primary schools of the city of Arujá in the state of São Paulo, 71 of whom answered a questionnaire and 5 answered the interview guided by semi-structured script, this, in order to access teaching beliefs which motivate practices of referring the “problem student” to health professionals and, above all, to psi professionals. The introduction will offer a historical overview of the participation of European scientists in the process of validating intelligence tests and other influences of these in the initial format of the Brazilian school, in addition to presenting the first forms of assistance aimed at families of difficult students. Subsequent, and luz de Freitas (2012); Lima (2018); Patto (2015); Mantovaninni (2001); Carvalho (2000); and Cury (2002), cultural and scientific convictions will be presented towards understanding the child's level of intelligence in the learning process, tending towards stigmatization. The inspiration in the Theory of Social Representations (TSR) will approach the process of constitution of knowledge through common sense and the formation of the structure of knowledge thus bringing together the procedural and structural approach in TRS that, according to Moliner and Guimelli (2015), the classification is theoretical, however, in different types of research, the approaches are combined. (JOCHEVCLOVITCH, 2008; JODELET, 2001, 2014, 2017; ABRIC, 2001, MOSCOVICI, 2017; SÁ, 1996, 1998; SPINK, 1993). The information produced through field research was systematized and later processed using computational statistics of similarity analysis, prototypical analysis and word cloud, using the Iramuteq software. The results obtained revealed that, for the investigated teachers, the term family is associated with behavioral disorder and, consequently, the non-apprehension of school contents by students considered to be problematic. Thus, it became evident that the belief focused on about 90 years ago remains active in the participants' repertoire.
Palavras-chave: Representações sociais
Aluno problema
Educação
CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Universidade Cidade de São Paulo
Sigla da Instituição: UNICID
Departamento: Pós-Graduação
Programa: Programa de Pós-Graduação de Mestrado em Educação
Citação: CEDRO, Aline. A psicologização da queixa escolar: O que pensam os professores sobre “aluno-problema”?. 2021. 115 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Cidade de São Paulo, São Paulo, 2021.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.cruzeirodosul.edu.br/handle/123456789/4107
Data do documento: 26-Fev-2021
Aparece nas coleções:Mestrado Acadêmico em Educação

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Aline Cedro.pdfDissertação2.76 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.