Repositório Institucional UNICID Campus Tatuapé Dissertações Mestrado Acadêmico em Educação
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.cruzeirodosul.edu.br/jspui/handle/123456789/4110
Tipo: Dissertação
Título: O teatro como experiência estética na educação básica: uma reflexão sobre narrativas docentes
Autor(es): Santana, Elizabeth de Aguiar Mattiasi
Primeiro Orientador: Berkenbrock-Rosito, Margaréte May
Resumo: Esta dissertação resulta de uma pesquisa de Mestrado em Educação, do Programa de Pós Graduação (PPGE) da Universidade Cidade de São Paulo, linha de pesquisa Subjetividades, Formação e Aprendizagem. O objetivo é compreender como a Educação Estética encontra-se presente nas narrativas e memórias de professoras do Ensino Fundamental, Ciclo I de uma escola da Rede Municipal de São Paulo, destacando as contribuições do trabalho com a arte e com o teatro. Temos como objetivos específicos reconhecer experiências estéticas e sensibilizadoras na escola e analisar tempos, espaços, limites e possibilidades na vivência com a arte, compreendendo também a Educação Estética pelo teatro; ampliando a compreensão conceitual sobre a dimensão estética para uma educação que vise a autonomia e a emancipação dos sujeitos. Pretendeu-se responder as seguintes questões centrais: Como surgiu a ideia de oferecer aulas de teatro no contraturno escolar? Quais práticas teatrais são possíveis no trabalho docente diário? Como o trabalho de professores pode desenvolver a autonomia e a emancipação dos sujeitos no espaço escolar? Para tal, utilizamos como referência os estudos de histórias de vida e narrativas (auto) biográficas em Josso (2010), Delory-Momberger (2006) Passegi e Gaston Pineau (2006). Apresentamos conceitos da Educação Estética com base em Schiller (2002) e Perissé (2014), bem como traçamos um breve panorama dos movimentos de arte-educadores no Brasil, depois trazemos reflexões sobre as passagens históricas do teatro com as contribuições de Boal (2009; 2011). O processo de desenvolvimento da autonomia e emancipação é pensado a partir de Freire (2014; 2019) e Adorno (1995), e a constituição do olhar estético para alcançar uma educação mais sensível vêm dos estudos de Vigotisky (1999; 2004; 2014) e Le Breton (2016). A abordagem metodológica é qualitativa e a coleta de dados foi realizada em dois momentos: o primeiro momento em campo, com observação participante no lócus da pesquisa e o segundo momento com a estratégia de coleta de dados usando o dispositivo metodológico “Colcha de Retalhos” desenvolvido por Berkenbrock-Rosito (2014). A partir dos resultados obtidos nas três etapas do dispositivo metodológico tecemos as análises da narrativa oral sob o enfoque da hermenêutica de Gadamer (2000),) e a narrativa escrita foi baseada na análise temática, em Jovchelovitch e Bauer (2015), de modo que a “Colcha de Retalhos” contribuiu para o despertar de sentimentos e sentidos que vão além das perguntas e respostas realizadas na pesquisa, num processo reflexivo que reverbera na experiência estética, no diálogo, no convívio e na troca.
Abstract: This dissertation is the result of a Master's Degree in Education research, from the Graduate Program (PPGE) of the University of São Paulo City, research line Subjectivities, Formation and Learning. The objective is to understand how Aesthetic Education is present in the narratives and memories of elementary school teachers, Cycle I of a school in the Municipal Network of São Paulo, highlighting the contributions of work with art and theater. Our specific objectives are to recognize aesthetic and sensitizing experiences at school and analyze times, spaces, limits and possibilities in living with art, also including Aesthetic Education through theatre; expanding the conceptual understanding of the aesthetic dimension to an education aimed at the autonomy and emancipation of subjects. It was intended to answer the following central questions: How did you come up with the idea of offering drama classes after school? What theater practices are possible in daily teaching work? How can teachers 'work develop subjects' autonomy and emancipation in the school environment? For this, we used as a reference the studies of life stories and (auto) biographical narratives in Josso (2010), Delory-Momberger (2006) Passegi and Gaston Pineau (2006). We present concepts of Aesthetic Education based on Schiller (2002) and Perissé (2014) as well as a brief overview of art-educator movements in Brazil, then we bring reflections on the historical passages of theater with contributions from Boal (2009, 2011). The development process of autonomy and emancipation are thought of based on Freire (2014; 2019) and Adorno (1995), and the constitution of the aesthetic look to achieve a more sensitive education comes from studies by Vigotisky (1999; 2004; 2014) and Le Breton (2016). The methodological approach is qualitative, and data collection was carried out in two stages: the first moment in the field, with participant observation at the research locus and the second moment with the data collection strategy using the methodological device "Patchwork Quilt" developed by Berkenbrock-Rosito (2014). From the results obtained in the three stages of the methodological device, we weave the analyzes of the oral narrative under the focus of Gadamer's hermeneutics (2000), and the written narrative was based on thematic analysis, by Jovchelovitch and Bauer (2015), so that the "Patchwork Quilt" contributed to the awakening of feelings and senses that go beyond the questions and answers carried out in the research, in a reflective process that reverberates in the aesthetic experience, in the dialogue, in the interaction and in the exchange.
Palavras-chave: Educação estética
Teatro e educação
Narrativas docentes
Educação básica
CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Universidade Cidade de São Paulo
Sigla da Instituição: UNICID
Departamento: Pós-Graduação
Programa: Programa de Pós-Graduação de Mestrado em Educação
Citação: SANTANA, Elizabeth de Aguiar Mattiasi. O teatro como experiência estética na educação básica: uma reflexão sobre narrativas docentes. 2021. 171 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Cidade de São Paulo, São Paulo, 2021.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.cruzeirodosul.edu.br/handle/123456789/4110
Data do documento: 26-Mar-2021
Aparece nas coleções:Mestrado Acadêmico em Educação

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertacao.pdfDissertação2.22 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.