Repositório Institucional UNICID Campus Tatuapé Dissertações Mestrado Acadêmico em Educação
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.cruzeirodosul.edu.br/jspui/handle/123456789/5064
Tipo: Dissertação
Título: Dançar na educação infantil: inter-relações entre a teoria de Laban e a do brincar da teoria histórico-cultural
Autor(es): Conceição, Karina Paula da
Primeiro Orientador: Martins, Ida Carneiro
Resumo: O ensino da dança na Educação Infantil, em geral, se apresenta com a intenção de estruturar coreografias de gestos padronizados que têm como finalidade a apresentação em festas escolares, o que não permite a sua apropriação em práticas educativas que favoreçam o pleno desenvolvimento das crianças. Uma das questões que impedem que isso aconteça é o desconhecimento de teorias que podem subsidiar o encaminhamento de ações pedagógicas que ampliem a experiência lúdica, artística e estética da criança. O presente trabalho é um estudo teórico que tem a dança na Educação Infantil como objeto de estudo, inter-relacionada à ludicidade, com enfoque no jogo de faz de conta e na estruturação de práticas educativas que venham a permitir o alcance do melhor potencial de aprendizagem. Observando tais discussões, estabelecemos como a questão norteadora da pesquisa inter- relacionar os princípios da teoria de Laban acerca do domínio do movimento, com os fundamentos do jogo de faz de conta, na perspectiva histórico-cultural do desenvolvimento humano e perguntar se estes princípios são adequados para o ensino da dança na Educação Infantil. Na busca por responder ao problema estabelecemos enquanto objetivo demonstrar teoricamente se os princípios da teoria de Laban, relativos ao domínio do movimento inter-relacionados aos fundamentos do jogo de faz de conta, na perspectiva histórico-cultural, são adequados, ou não, ao desenvolvimento de práticas educativas para o ensino da dança na Educação Infantil. Observando tais pressupostos, o presente estudo se propôs ao aprofundamento sobre a teoria de Laban (1978, 1991) e a dança educativa. e sobre os princípios teóricos relativos ao jogo de faz de conta, na abordagem histórico- cultural de Vigotski (2008, 2010) e de Elkonin (2009, 2012). Para desenvolvermos a inter- relação entre as teorias, estabelecemos como ponto de convergência a Base Nacional Comum Curricular – BNCC, seus eixos estruturantes, seus campos de experiência e objetivos de aprendizagem. Como resultado, identificamos que os fundamentos para a inter-relação das teorias são: a brincadeira, as inter-relações, e a exploração das possibilidades da ação corporal infantil. A discussão evidenciou cinco âmbitos que propiciam a inter-relação das teorias. São eles: âmbito da tomada de consciência do próprio corpo (consciência corporal), âmbito das questões espaciais de movimento (cinesfera), âmbito do trabalho como o ritmo, pulsações e tempo (musicalidade), âmbito da expressividade e comunicação pelo movimento (expressão corporal) e, por fim, âmbito das atividades desenvolvidas em grupo. Ao final do trabalho identificamos que a inter-relação entre as teorias é congruente para o ensino da dança na Educação Infantil, uma vez que o trabalho com dança e com o jogo de faz de conta, permitirá que a criança alcance seu maior potencial de aprendizagem por meio do movimento, ou seja, o desenvolvimento infantil nas práticas educativas em dança só acontecerá em toda a sua possibilidade, se adotarmos uma estratégia lúdica, dentro de uma situação imaginária, o que se correlaciona com os objetivos de aprendizagem da BNCC para a Educação Infantil.
Abstract: The teaching of dance in Early Childhood Education, in general, is presented with the intention of structuring choreographies of standardized gestures that are intended for presentation at school parties, which does not allow its appropriation in educational practices that favor the full development of children. One of the issues that prevent this from happening is the lack of knowledge of theories that can subsidize the development of pedagogical actions that enhance the child's playful, artistic, and aesthetic experience. The present work is a theoretical study that focuses on dance in Children's Education, interrelated to playfulness with a focus on make-believe in structuring educational practices that will allow the achievement of the best learning potential. Based on these discussions we established the following research question: Is the interrelation of Laban's theory of movement mastery with the fundamentals of make-believe play from a cultural- historical perspective of human development appropriate for the teaching of dance in Early Childhood Education? In our search for an answer to this problem, we set ourselves the goal of demonstrating theoretically whether or not the principles of Laban's theory concerning the mastery of movement interrelated to the fundamentals of make-believe play from a cultural-historical perspective are adequate for the development of educational practices for the teaching of dance in kindergarten. Observing these assumptions, the present study aimed to deepen Laban's (1978, 1991) theory of educational dance and the theoretical principles of make-believe in the cultural-historical approach of Vygotsky (2008, 2010) and Elkonin (2009, 2012). To establish the inter-relationship between the theories we established as a convergence point the Brazilian National Common Core Curriculum – BNCC, its structuring axes, fields of experience, and learning objectives. As a result, we identified that the foundations for the interrelationship of the theories are: interrelationships, play and exploration of the possibilities of children's body actions. The discussion evidenced five areas that propitiate the interrelation of the theories, which are: the awareness of one's own body (body awareness), the spatial issues of movement (kinesphere), the work with rhythm, pulsations, and time (musicality), expressivity and communication through movement (body expression), and, finally, the activities developed in groups. At the end of the work, we identified that the interrelation between the theories is congruent for the teaching of dance in Early Childhood Education, since the work with dances with the game of make-believe will allow the child to reach his greatest learning potential through movement, i.e. the child development in dance education practices will only happen in all its possibility, if we adopt a playful strategy, within an imaginary situation, which correlates with the BNCC learning objectives for Early Childhood Education.
Palavras-chave: Dança
Jogo de faz de conta
Educação infantil
Práticas Educativas
Base Nacional Comum Curricular
CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Cruzeiro do Sul Educacional
Sigla da Instituição: UNICID
Departamento: Universidade Cidade de São Paulo
Programa: Programa de Pós-Graduação Mestrado em Educação
Citação: CONCEIÇÃO, Karina Paula da. Dançar na educação infantil: inter-relações entre a teoria de Laban e a do brincar da teoria histórico-cultural. Orientadora: Profa. Dra. Ida Carneiro Martins. 2023. 126f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Cidade de São Paulo. 2023.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.cruzeirodosul.edu.br/jspui/handle/123456789/5064
Data do documento: 24-Fev-2023
Aparece nas coleções:Mestrado Acadêmico em Educação

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Karina Paula.pdfDissertação1.8 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.